Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

No comando: TOP 10 Sertanejo

Das as

sertao_paraibano_14
No comando: Amanhecer no Sertão

Das 05:00 as 08:00

home
No comando: Estação 96

Das 08:00 as 10:00

balada2407_w
No comando: Nossa Festa

Das 08:00 as 10:00

a08786b0d3c3992b0215e7fd3ee0fd38
No comando: Experiência de Deus

Das 10:00 as 11:00

raridade
No comando: Raridades

Das 11:00 as 12:00

JORNAL 96
No comando: Jornal96

Das 12:00 as 13:00

MPB-BANDEIRA-BRASIL
No comando: Só Brasil

Das 13:00 as 14:00

No comando: Domingaço

Das 13:00 as 16:00

brega-c3a9-cult1
No comando: Sábado Brega

Das 13:00 as 16:00

CANAL
No comando: Canal 96

Das 14:00 as 16:00

No comando: Sabadaço

Das 16:00 as 18:00

No comando: Camarote

Das 16:00 as 18:00

orar-com-Jesus
No comando: Experiência de Deus

Das 18:00 as 19:00

voz_do_brasil_0
No comando: A Voz do Brasil

Das 19:00 as 20:00

WhatsApp Image 2020-02-19 at 09.14.41
No comando: Dominação

Das 20:00 as 23:00

Pelo 2º dia consecutivo, caminhoneiros bolsonaristas bloqueiam estradas em vários estados

Compartilhe:
camin

Pelo segundo dia consecutivo, caminhoneiros que são a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro e contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) promovem manifestações e bloqueiam rodovias em todo o país na manhã desta quinta-feira (9).

Até as 8h, foram confirmados bloqueios em rodovias de pelo menos 15 estados: SC, RS, PR, ES, MT, GO, BA, MG, TO, RJ, RO, MA, RR, PE e PA, segundo boletim do Ministério da Infraestrutura com dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Levantamento do G1 apontou ainda manifestações no estado de São Paulo.

Na maioria dos locais, apenas carros pequenos, veículos de emergência e cargas de alimentos perecíveis estão tendo o trânsito liberado pelos manifestantes.

As interdições continuam mesmo após o presidente Jair Bolsonaro gravar um áudio pedindo aos caminhoneiros que liberem as estradas do país. Na gravação, Bolsonaro diz que a ação “atrapalha a economia” e “prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres”.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook